top of page

Não tenha vergonha dos seus desejos


“Caio, o que você acha dos gays discretos que se apaixonam por héteros sigilosos?” – Recebi essa pergunta esses dias e resolvi refletir com vocês aqui sobre essa questão. Bora?


Primeiramente, é bom esclarecer que quando mencionamos o ‘gay discreto’ não estamos falando aqui de uma pessoa tímida, mais reservada, que tem uma personalidade discreta. Mas, sim daquela pessoa que é gay, mas esconde a sua sexualidade por vergonha.


E o que seria o hétero sigiloso? Uma pessoa que mente para si mesmo e para toda a sociedade sobre o seu desejo, que pode ser gay ou pode ser bi?


Claro que cada um pode ser o que quiser, mas será que não tá faltando autoestima para o gay discreto e para o hétero sigiloso? Será que não está faltando entender e aceitar os próprios desejos?


E mais, o que você, gay discreto, está fazendo com a sua autoestima que se coloca nesse lugar de vergonha e ainda se envolve com uma outra pessoa que tem ainda mais vergonha que você?


Eu, você, o gay discreto, o hétero sigiloso, não nascemos para ter vergonha. A gente nasceu pra ser livre! Para expressar o nosso afeto, o nosso desejo, as nossas vontades livremente por aí.


Se você está vivendo essa situação, ou uma situação parecida, fica aqui a minha dica: você e o boy, os dois, precisam de terapia. Não fica aí se escondendo, escondendo seus sentimentos, seus desejos. Corre pra terapia!


E se precisar de uma indicação de um terapeuta que entende das questões da homossexualidade e vai poder te ajudar nesse processo, me envia uma mensagem que te indico um bom profissional.


Conta pra mim aqui nos comentários, você também já se envolveu em um relacionamento parecido? Também se apaixona por ‘héteros sigilosos’? Você é feliz em uma relação que precisa de sigilo, que precisa se esconder? Pra você vale a pena permanecer nesse lugar do ‘sigilo’?


Se você está passando por algo parecido e quer seguir a minha dica e correr pra terapia, me envia uma mensagem ou deixa um “eu quero” nos comentários, que te indico um bom terapeuta, especializado nas questões da homossexualidade, para te ajudar.


Bjpro6

Posts recentes

Ver tudo

É possível parar a compulsão de uma vez?

É comum quando percebemos um comportamento compulsivo a gente querer se livrar daquele componente de uma vez só. Então, se eu me masturbo muito quero parar e nunca mais fazer. Ou se como muito doce, q

Comments


bottom of page