Estar no armário (mesmo que parcialmente) pode gerar vício em aprovação


Quanto mais escondido está um homem gay, isso é, quanto mais para dentro do armário ele está, mais ele pode ficar viciado em aprovação.


Isso se dá por mecanismos bem claros. Está no armário faz com que o homem gay tenha que esconder o seu verdadeiro self (eu), o que faz com que ele precise projetar algo que ele não é.


E isso traz uma grande ferida, ele se sente muitas vezes rejeitado, incompleto, errado, envergonhado e tantos outros sentimentos ruins e isso aumenta a sua necessidade de provar, pra ele mesmo e para o outro, que ele tem algum valor.


Ao tentar provar que tem valor, ele vai se especializando em fazer coisas que garanta que quem está ao redor dele o aprove. Ele aprende a reconhecer o que as pessoas a sua volta precisam que ele faça e ele faz.


E quanto mais aprovação ele recebe por aquilo que ele não é, mais vai ficando claro para ele que aquilo que ele é de verdade não é bom. E isso alimenta ainda mais a necessidade dele de fazer coisas para provar, para ele mesmo e para os outros, que ele é bom.


Isso vira um movimento retroalimentado. Quanto mais ele é aprovado por aquilo que ele não é (que ele finge ser), mais aquilo que ele realmente é parece ruim e mais ele precisa de aprovação.


A melhor forma de parar com esse mecanismo é tendo coragem para construir uma identidade autêntica, que possa trazer aprovação por aquilo que ele realmente é.


Esse é um trabalho árduo e difícil e muitos homens gays que já saíram do armário há muito tempo ainda têm em si mesmos partes escondidas. E, por isso, continuam viciados em aprovação.


Apesar de ser algo difícil é possível mudar e é possível, inclusive, usar todo esse processo ao seu favor. Diz aí, você já foi/é um viciado em aprovação?


Se você se identificou com esse texto, essa é uma das questões que a gente mais trabalha na Comunidade Gays Conscientes. No programa de desenvolvimento, a gente foca bastante em trabalhar a autenticidade, de como parar os processos, que envolvem o vício em aprovação, e como o homem gay pode se tornar um homem mais autêntico e que seja aprovado por aquilo que ele realmente é.


Bjpro6


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo